A CONTABILIDADE FISCAL E COMO ADMINISTRÁ-LA EM SEU FAVOR NA GESTÃO DA EMPRESA
Escrito por Atendimento Classe A no junho 24, 2020 em Blog

Compartilhar

A CONTABILIDADE FISCAL E COMO ADMINISTRÁ-LA EM SEU FAVOR NA GESTÃO DA EMPRESA.

A contabilidade fiscal é uma das vertentes mais importantes no universo da contabilidade que, por sua vez, tem se tornado mais relevante a cada dia na gestão global de empresas buscando sustentabilidade.

Nesse texto você vai ler sobre:

  • O reconhecimento da contabilidade no meio empresarial;
  • Quais os segredos que a contabilidade fiscal administra;
  • Um breve cenário sobre os impostos no Brasil e sua importância;
  • E a importância da classificação fiscal para a saúde financeira da empresa.

A contabilidade obteve um crescimento expressivo dentro das organizações empresariais, auxiliando todos os setores nas decisões estratégicas, no conhecimento e domínio da legislação. Mas isso é só um pouco do que ela pode fazer para auxiliar na tomada de decisão.

Com muitos desdobramentos e relevância, a contabilidade fiscal se transformou em uma das especializações mais importantes dentro da área contábil.

Também conhecida por contabilidade tributária, o departamento cuidará, por exemplo, de todos os impostos, emissões de notas, entrega das obrigações em geral como SPED Fiscal, DCTF, EFD Contribuições, GIA, entre outros.

Veja como evitar riscos e armadilhas usando a contabilidade fiscal na sua empresa

O Brasil possui um dos sistemas tributários mais complexos do mundo! Você bem deve saber, afinal não chegou aqui por acaso… Devido essa realidade, as empresas estão sujeitas a um risco maior de multas por conta do recolhimento de valores incorretos e, porque não, por atrasos nas entregas de declarações fiscais.

Para atender as demandas e obrigações fiscais, é fundamental que a empresa conte com uma equipe especializada e focada na contabilidade fiscal, garantindo as exigências da legislação tributária do nosso país, ou contrate uma empresa parceira em contabilidade.

Incorrer em falhas nesse processo inviabilizará o seu negócio, afinal, ninguém quer multas como despesas da empresa, certo?

Embora não seja sua intenção, o Fisco pode interpretar interesse em burlar a lei e, daí, não pode sair caro explicar que foi apenas uma falha da sua empresa nas atribuições fiscais..

Com a contabilidade fiscal você entende o que são os impostos e seu alcance social

Supermercados: Qual é o Regime de Tributação mais adequado?Supermercados: Qual é o Regime de Tributação mais adequado?

Os impostos são obrigações, presentes na administração da contabilidade fiscal, a serem pagas para custear as despesas administrativas do governo. Ou seja, são investimentos utilizados para manter os serviços públicos como, por exemplo, a saúde, educação, segurança, etc..

Existindo, portanto, os impostos federais, os estaduais e também os impostos que as empresas devem pagar para cada município. Vamos ver um breve cenário no qual a contabilidade fiscal se atenta?

 

Impostos Federais

  • Imposto de Importação (II)

  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL)

  • Imposto sobre Operação Financeira (IOF)

  • Programa de Integração Social (PIS)

  • Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF)

  • Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS)

  • Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ)

  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS)

  • Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR)

  • Instituto Nacional da Seguridade Nacional (INSS)

  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)

Impostos Estaduais

  • Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS)

  • Propriedade de Veículos Automotores (IPVA)

  • Transmissão de Causa Mortis e Doação (ITCMD)

Impostos Municipais

  • Imposto sobre Serviços (ISS)

  • Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU)

  • Imposto sobre Transmissão de Bens Inter Vivos (ITBI)

Classificação dos impostos em produtos e suas vantagens

Você sabia que é possível realizar uma classificação fiscal na venda de seus produtos?

Dentre as habilidades que você pode esperar da contabilidade fiscal está a economia de impostos, pagando somente o que lhe é devido por meio da gestão inteligente.

A classificação fiscal, por exemplo, é utilizada para realizar a tributação correta dos produtos no momento da venda, evitando as bitributações e se aproveitando dos incentivos fiscais. Será que sua empresa pratica?

Tributação para ICMS, PIS e COFINS

    • Tributado: tributação integral, válido tanto para ICMS, PIS e COFINS;
    • Suspensão: Quando não ocorre a incidência das contribuições, podendo posteriormente ser enquadrado em outro tipo de tributação;
    • Isenção: Exclusão da contribuição (Caracterizado como benefício fiscal) – utilizada para determinados produtos como, por exemplo, a isenção na cobrança de ICMS para o pão francês, e alguns serviços (Inciso II do Art. 6° da Lei 10.833/2003 e o inciso II do art. 5° da Lei 10.637/2002);
    • Alíquota Zero: Benefício fiscal, quando o produto possui uma alíquota de 0% para tributação como, por exemplo, frutas, legumes, leite, bebidas lácteas);
    • Monofásico: Quando já ocorreu o recolhimento antecipado na origem da cadeia (Geralmente aplicado na indústria, pagando um percentual maior, por conta de toda a antecipação do imposto. Aplicada para PIS e COFINS, ligada a medicamentos, produtos de higiene pessoal e bebidas frias);
    • Imunidade: Produtos proibidos de tributar (Por exemplo no ICMS, onde é proibido tributar jornais e revistas);
    • Substituição tributária: Semelhante à tributação monofásica, sendo recolhido antecipadamente os impostos (geralmente associado a cigarros e cigarrilhas para fins de PIS e COFINS). Com relação ao ICMS, podemos destacar, por exemplo, os produtos de higiene pessoal, medicamentos e bebidas frias.

Resumindo, nesse texto você leu sobre:

A relevância da contabilidade fiscal, sua complexidade e, portanto, a necessidade de investir nessa área para a sustentabilidade do negócio, auxiliando na tomada de decisões e, também, reduzindo as despesas com impostos indevidos.

Saiba mais clicando aqui!

Venha fazer parte da Contabilidade Classe A

Gostou do nosso blog? Clique em um dos botões abaixo para falar com um de nossos especialistas.

Deixe seu comentário