Holding Familiar
Escrito por Atendimento Classe A no janeiro 21, 2022 em Blog

Holding é um sistema plenamente acessível a todo e qualquer tamanho de patrimônio e funciona como um “cofre” que vai guardar e preservar legado.

Nesse texto você vai descobrir, dentre outras coisas, sobre:

  • O que é Holding;
  • Quais são as modalidades de Holding;
  • Holding Patrimonial e suas vantagens.

Eu sou um bloco de texto. Clique no botão Editar (Lápis) para alterar o conteúdo deste elemento.

No enunciado, foi dito Holding PATRIMONIAL, mas Holding não é apenas para empresários?

Talvez esse seja um dos maiores mitos sobre Holding Patrimonial, pois definitivamente não é verdade. Assim, dentro das possibilidades de Holding, a Patrimonial é um sistema inteligente e dinâmico de planejamento patrimonial. Seu foco é a PROTEÇÃO e não o patrimônio.

Uma Holding Patrimonial é construída sob base de três objetivos: proteção do patrimônio familiar, eficiência tributária com a chamada elisão fiscal e planejamento sucessório. Desta forma, tem como foco a construção de regras para sucessão e eliminação por completo do processo de inventário.

Portanto o foco não é no tamanho do patrimônio, mas sim na utilização de instrumento jurídicos inteligentes para proteger e perpetuar seu patrimônio, independentemente do tamanho que ele seja.

Holding pode ser considerada como a maior das ferramentas de planejamento sucessório e proteção patrimonial que existe!

Você deve estar se perguntando, mas, como assim?

No que se diz respeito à sucessão de bens, se você não optar pelo Holding, restarão outras ferramentas como a doação em vida e o testamento.

Assim, optando pela doação, você terá que lavrar uma escritura pública no cartório e pagará impostos e taxas sobre o valor de mercado do aludido imóvel.

Já por meio de Holding o valor da doação será o declarado no Imposto de Renda, por expressa previsão legal. Não precisa de escritura pública, contando assim com redução significativa de taxas e impostos.

Porém, se resolver optar pelo testamento, apenas 50% dos bens poderá constar do aludido documento público ou privado. Quando falece o testador, o testamento, obrigatoriamente, tem que ser levado ao Judiciário para sua validação e na sequência é feito o Inventário. Isso consome entre taxas e impostos aproximadamente 20% do patrimônio, além do tempo e do desgaste emocional dos herdeiros.

Se optar pela Holding, a totalidade do imóvel pode ser doado e na falta do doador não precisará de nenhuma ação judicial, nem mesmo o inventário, reduzindo muito o custo do planejamento sucessório.

Nesse sistema, os filhos não herdam bens, mas sim quotas e dessa forma é possível definir quem ficará com a administração de um bem ou empresa, em específico. Já se pode definir a partilha dos frutos entre os filhos.

Outra questão importante que a Holding Patrimonial cuida é de documentar se os bens deixados poderão ou não serem vendidos e se estarão imunes a penhoras ou alienações. Sem dúvidas a Holding Patrimonial traz segurança e proteção para os filhos quando os pais não mais estiverem aqui.

Resumindo, nesse texto você leu sobre:

Diferente do que se pensa, Holding não está restrito ao universo empresarial, mas sim a toda e qualquer pessoa. Além disso, é uma ferramenta muito valiosa para quem quer planejar o futuro dos seus bens, protegendo os direitos familiares e reduzindo significativamente no pagamento de impostos no que se refere a transferência de bens. Holding Patrimonial é uma sociedade, onde os membros da família, passam a ser sócios dos bens que possuem.








    Procurando Escritório de Contabilidade Especializado?

    Clique em um dos botões abaixo para falar com um de nossos especialistas.

    Deixe seu comentário