MEI Regularizada
Escrito por Atendimento Classe A no novembro 10, 2021 em Blog

Compartilhar

Saiba mais para sua MEI ser regularizada, evitando juros e multas indesejadas!

Saiba a importância de manter sua MEI regularizada!

Muitos brasileiros possuem o sonho de ter o seu próprio negócio, por isso, diariamente várias pessoas de todos os cantos do país são motivados a abrirem suas empresas.

Mas é preciso tomar cuidado para esse sonho não virar um pesadelo.

Nesse texto você vai descobrir, dentre outras coisas, sobre:

  • Qual a forma mais rápida de abrir um negócio;
  • O que é uma empresa inativa;
  • Quais são os pagamentos obrigatórios para manter sua  MEI regularizada.

Qual a forma mais rápida de abrir um negócio?

O modo mais rápido e fácil de abrir uma empresa é abrindo uma MEI, desse modo a quantidade de empresários no país vem crescendo a cada dia. Porém crescem também as irregularidades.

O que é uma empresa inativa?

As empresas inativas são aquelas que ficaram um período sem entregar as suas obrigações, declarações e demonstrativos.

Mesmo que a empresa permaneça neste status sem movimentação, não quer dizer que ela foi encerrada e não haverá mais obrigações.

Esse é um ponto muito importante para se verificar, pois na maioria das vezes, os empreendedores deixam de encerrar nas suas MEIs, apenas não mais movimentando suas empresas. Assim, eles acreditam que estão dispensados de suas obrigações, o que não é verdade.

Mesmo quando estão inativas as obrigações se fazem necessárias, do mesmo modo com o MEI não é diferente, são cobradas suas obrigações mensais e anuais.

Quais são os pagamentos obrigatórios para manter sua MEI Regularizada?

Em primeiro lugar, para sua MEI estar regularizada, mensalmente há a obrigatoriedade do pagamento de DASN-SIMEI, uma declaração anual na qual se não for feita é gerada uma multa para o ano seguinte.

Já as PGMEI são as guias mensais, no valor em torno de R$ 60,00. Isso, em curto prazo, não parece ser muito assustador, porém pode gerar um grande prejuízo a longo prazo, devido ao seu valor mensal, acrescido de multa, juros.

Vale ressaltar que não são somente as empresas inativas que precisam de regularização, mas as ativas também, pois mesmo você não as utilizando, as obrigações ainda são geradas!

Resumindo, nesse texto você leu sobre:

A forma mais rápida de abrir uma empresa é optando por MEI, porém, é importante se manter em dia com as obrigações burocráticas e financeiras, para evitar multas e juros.

Um importante ponto é que mesmo a empresa estando inativa, continua mantendo suas obrigações, a não ser que o empresário formalize o fechamento do negócio. Mantenha sempre sua MEI Regularizada!








    Procurando Escritório de Contabilidade Especializado?

    Clique em um dos botões abaixo para falar com um de nossos especialistas.

    Deixe seu comentário